Os estranhos caminhos da felicidade

Este é tema a que a Fundação Betânia tem dedicado grande atenção desde os seus começos, Assim, no final de 2008, um pequeno grupo de amigos procurou reescrever os caminhos para a felicidade, inspirados nas bem-aventuranças proclamadas por Jesus de Nazaré no Evangelho.
Partilho convosco esse enunciado escrito em 2008, com o propósito de incentivar o leitor/leitora a aproveitar estas férias de verão para re-escrever, individualmente ou em grupo, o que entende ser os estranhos caminhos da felicidade apropriados ao tempo presente.

Print Friendly, PDF & Email
Ler mais »

Um gesto profético: Pacto mundial por uma economia que faz viver e não mata

“Nós tentámos dizer a nós próprios que progresso queria dizer crescimento e que crescimento significava bem-estar, mas o que a crise ambiental tem revelado é que o crescimento sem limites é a maior ameaça ao nosso bem- estar”. (George Montbiot)

Não por acaso o Papa Francisco escolheu o dia 1 de Maio (dia mundial do trabalhador) para lançar ao mundo um desafio profético: a concretização de um pacto mundial por uma economia que faz viver e não mata; uma economia diferente, que humaniza e que cuida da criação; uma economia que não exclui nem descarta pessoas e povos.

Print Friendly, PDF & Email
Ler mais »

A fé é uma travessia

O Senhor começou uma história de amor com as pessoas e quer abraçar toda a criação nesta história. A maneira de lutar contra o mal, que nos ameaça e ameaça o mundo todo, só pode residir no nosso ingresso neste amor em última instância. Esta é a verdadeira força contra o mal, já que o poder do mal surge da nossa recusa em amar a Deus. (Bento XVI)

Print Friendly, PDF & Email
Ler mais »

Um novo dinamismo de mudança

Manuela Silva Abril 2019 A conversão é a inversão da rota do navio que, se continua assim, vai direita às rochas. Não serve fazer a conta dos bons e dos maus, é preciso reconhecer que é todo um mundo que tem de mudar de direção: nas relações, na política, na economia, na ecologia. (Ermes Ronchi) Diante de alguma calamidade natural, acto de terrorismo, doença grave, morte prematura, sempre surge a interrogação: Onde está Deus? Esqueceu as suas criaturas ou está,

Print Friendly, PDF & Email
Ler mais »
Print Friendly, PDF & Email
Contactos
%d bloggers like this: